Translate

O que procura?

Adwords 1

Últimas Notícias

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Programa de auxílio a cristãos refugiados pode ser cortado no Congresso norte-americano

ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA (*) - A agência de notícias International Christian Concern (ICC) foi informada de que um programa norte-americano que resgata cristãos perseguidos do Irã pode chegar ao fim, pois o Congresso tem debatido grandes cortes no orçamento. O encerramento do programa terá seu fim alguns dias após relatos de uma execução de um cristão armênio e sua esposa judia em Teerã.
A Emenda Lautenberg foi estabelecida em 1989, para que os Estados Unidos pudesse conceder status de refugiado aos judeus e cristãos que deixavam a antiga União Soviética, e foi ampliada em 2003 para auxiliar os cristãos, baha’is e judeus no Irã. Sem o programa, os cristãos perseguidos e outros membros de minorias religiosas no Irã não poderão ter a oportunidade de buscar o status de refugiado norte-americano que é oferecido para as minorias em diversos lugares do mundo.

O programa não estava incluído em nenhum dos projetos que foram renovados no ano novo, e sua análise foi adiada por causa do corte no orçamento no Congresso norte-americano. Além disso, Lamar Smith, um dos representantes do Comitê Judiciário, propôs uma revisão em todos os programas relacionados à imigração antes que eles sejam passados para o Congresso, o que significa que o programa sofreria adiamento, atraso e possível rejeição do comitê. Desde seu início há 22 anos, esse programa humanitário recebeu muito apoio do Congresso.

Enquanto a renovação do projeto permanece em aberto, a perseguição no Irã aumenta. No dia 14 de março, um casal foi executado secretamente em Teerã. O pastor Youcef Nadarkhani aguarda o mesmo destino após ser condenado por apostasia em setembro, e sentenciado à pena de morte por enforcamento. Sem a Emenda Lautenberg, o número de prisões e execuções de cristãos iranianos aumentará.


Tradução: Deborah Stafussi 



Fonte: Ministério Portas Abertas
Divulgação:Portal Cristão News



Nenhum comentário: